Câmara de CM passa por desinfecção contra o Covid-19 neste sábado

A desinfecção foi uma medida preventiva tomada pela Mesa Diretiva da Câmara – Foto: Divulgação

Técnicos de uma empresa terceirizada contratada pela Câmara de Campo Mourão iniciam amanhã (22), o processo de desinfecção com o Combacter 800 em todo o prédio do Poder Legislativo. O desinfetante à base de amônia é indicado para desinfecção e higienização de paredes, pisos, instalações e equipamentos e será aplicado no plenário, nas salas de reuniões, gabinetes dos vereadores, corredores, garagem e nos acessos internos e externos do
prédio.

A desinfecção foi uma medida preventiva tomada pela Mesa Diretiva da Câmara, seguindo as orientações do protocolo da Organização Mundial de Saúde (OMS) e das secretarias estadual e municipal de Saúde, após um vereador testar positivo para o novo coronavírus (Covid-19), na última quarta-feira (19).

Todos os trabalhos presenciais internos foram suspensos, retornando ao sistema home office. O vereador apresentou os sintomas de febre alta, tosse e diarreia. Ele procurou atendimento, fez o exame, testou positivo e está em isolamento domiciliar. “A suspensão dos trabalhos presenciais será até o próximo dia 03 de setembro, seguindo o
protocolo da Organização Mundial de Saúde (OMS) e das secretarias estadual e municipal de Saúde. Os trabalhos serão realizados em sistema Home Office”, lembrou o presidente da Câmara, Olivino Custódio.

As sessões ordinárias e as reuniões das Comissões Permanentes continuam sendo realizadas por videoconferências. “Continuamos reforçando nosso compromisso em tempos de Covid-19, que é com a saúde dos funcionários da Casa de Leis e com a Saúde da população”, comentou o presidente.

Desde março a Câmara vem tomando todas as precauções e seguindo os protocolos orientados pelos órgãos de Saúde na prevenção ao Covid-19. Funcionários do grupo de risco foram dispensados e todos os setores