Menores são apreendidos após assalto a farmácia

Os assaltantes foram detidos pela equipe da Rotam – Foto: Rafael Silvestrin/Tasabendo.com

Dois adolescentes de 16 e 17 anos foram apreendidos pela equipe da Rotam, após assaltarem uma farmácia no jardim Santa Cruz, em Campo Mourão. Usando uma arma de cano longo, eles roubaram dinheiro em um aparelho celular do estabelecimento, na tarde desta terça-feira.

Além dos dois menores, a PM prendeu também o irmão de deles, de 31 anos, por tentar esconder o suspeito com parte dos objetos furtados.

O comandante da Rotam, sargento J. Silva, disse que os adolescentes já possuem uma vasta ficha criminal e que até os pais já perderam a esperança em recuperá-los. “Os próprios pais já pediram ajuda ao Conselho Tutelar e ao Poder Judiciário, alegando que não conseguem mais controlar os filhos. Inclusive no dia de hoje não os acompanharam até a delegacia, como seria necessário, porque estariam passando mal”, relatou o policial.

No assalto dessa terça-feira, a dupla usou uma arma de cano longo, calibre .22. A arma, que era de pressão, foi adaptada para o calibre .22, segundo informou o sargento J. Silva. “Um dos menores confessou que comprou uma espingarda de pressão e adaptou o cano para o calibre .22”, contou o sargento.

Logo após o assalto, um dos menores foi preso e o outro foi encontrado logo depois, em um cômodo, anexo à casa de seu irmão, que tentou protegê-lo.

“O irmão colocou cadeado na porta e portão e inicialmente tentou omitir que o cômodo fechado fazia parte de seu quintal. Mas ao ser pressionado ele abriu o local e o menor estava escondido embaixo de um colchão com vários objetos roubados. O irmão maior idade também foi detido e deverá ser autuado no mínimo por receptação.”