Unicampo e MP de Campo Mourão firmam parcerias para inovação em peças jurídicas

A Unicampo – Faculdade União de Campo Mourão e o Ministério Público do Paraná, estabeleceram um acordo de cooperação técnica para aplicação de um modelo base de Legal Design e Visual Law para elaboração das peças jurídicas.


Legal Design e Visual Law, assim como se discute no Design Thinking, são consideradas metodologias que podem facilitar e reorganizar o processo criativo com auxilio da tecnologia. Nessa perspectiva, exemplificando o economista Joseph Schumpeter, ao ponderar que as ferramentas de tecnologia são fundamentais para a inovação, a Faculdade Unicampo se propõe, embasada na Teoria Cognitiva de Aprendizagem Multimídia, incluir o uso de recursos tecnológicos nas peças jurídicas, para facilitar e ampliar a comunicação entre o Ministério Público e o usuário.

Lembrando que o discurso, dentro da perspectiva da Retórica, é toda produção verbal, escrita ou oral, que visa a persuadir um determinado público. A Teoria a ser aplicada pertence à linha de pesquisa do Prof. Me. Edson Ribeiro de Britto de Almeida Junior, que em conjunto com a Profª Me. Joze Palani Guarez, Coordenadora do Curso de Direito, e com o Prof. Me. Rosinaldo Nunes Cardoso, Coordenador dos Cursos de Gestão participam deste projeto.

Para o Prof. Edson, a incorporação dos princípios de instrução multimídia podem reduzir as possibilidades de processamento cognitivo estranho, gerenciam as principais informações relacionadas aos assuntos apresentados e fomentam a capacidade de generalizar as principais ideias que são cruciais  para a persuasão do objetivo instrucional.

Na mesma perpspectiva, o Prof. Rosinaldo, ressalta que há que se considerar o design em sua polissêmica compreensão criativa, e ao ser praticadas em serviços ou processos, propõe qualidades multifacetadas, mesmo assim, pode-se estabelecer uma conexão mais humanizada. Logo, o Legal  Design e Visual Law aplicados as peças jurídicas, tornam uma compreensão mais leve e compreensível ao usuário, pondera Rosinaldo.
De acordo com a Prof.ª Joze, esse projeto terá ganhos mútuos, pois o uso de elementos visuais nos documentos jurídicos está alinhado às novas tendências na área do Direito, tornando a comunicação jurídica mais clara e objetiva, facilitando, assim, a sua compreensão. Para a Professora, o acordo firmado entre a Unicampo e o Ministério Público vem ao encontro dos objetivos do curso, dentre eles, compreender o impacto das novas tecnologias na área jurídica.