Educação: reformas de 7 unidades e manutenção de 31 este ano

Da quase totalidade dos prédios escolares que necessitavam de melhorias, sete unidades foram reformadas e outras 31 passaram por serviços de manutenção em 2019. O cronograma de obras é definido pela Secretaria Municipal de Educação conforme disponibilidade de recursos. Das unidades que apresentavam problemas estruturais,  para o próximo ano está programada a reforma completa da Escola Bento Mossurunga.

Foram reformados os CMEIS Criança Feliz, São José e Tancredo de Almeida Neves, além da Escola Nicon Kopko. Para a abertura do ano letivo, em fevereiro 2020, serão entregues as reformas das escolas Maria do Carmo Pereira, Parigot de Souza e Pingo de Gente. Ainda em 2019 foram retomadas as obras dos CMEIs do Jardim Flora e Avelino Piacentni e entregue a nova Escola Clarinha Wencel Casemiro, na asa leste.

Para 2020 está em construção ainda a nova Escola Gurilândia, que deve ser concluída em meados do ano, conclusão da ampliação da Escola Cidade Nova, bem como das obras dos CMEIs dos jardins Flora e Avelino Piacentini.

“Como o município não dispõe de recursos para atender todas, priorizamos as unidades que apresentavam situação mais crítica no primeiro planejamento de reformas”, explica a secretária municipal de Educação, Tânia Caetano. Ao comentar sobre a atenção dispensada à área da Educação, o prefeito Tauillo Tezelli enfatizou que os projetos de reformas foram viabilizados graças a economia de recursos do Poder Legislativo.