Coamo realiza encontro de inverno virtual da Fazenda Experimental

Diferente de anos anteriores, o evento não foi presencial, mas no formato virtual, pelo canal da cooperativa no YouTube – Foto: Divulgação

A Coamo Agroindustrial Cooperativa realizou nesta quarta-feira, 29, a 14ª edição do Encontro de Inverno da Fazenda Experimental. Diferente de anos anteriores, o evento, que teve como tema “Manejo Inteligente para Agricultura e Pecuária”, não foi presencial, mas no formato virtual, pelo canal da cooperativa no YouTube.

Neste ano, a Fazenda Experimental da Coamo completa 45 anos de história e mesmo com as dificuldades impostas pela pandemia, a diretoria fez questão de realizar o evento. “Preparamos o encontro com muita dedicação e empenho. O objetivo do evento é difundir informação e conhecimento para os cooperados”, comenta o engenheiro agrônomo João Carlos Bonani, chefe da Fazenda Experimental.

De acordo com ele, a propriedade rural deve ser analisada de forma integrada entre as principais atividades, seja de inverno, verão ou pecuária. “Podemos ter recomendações específicas por cultura, mas precisamos tratar as propriedades rurais dentro de um sistema de produção. Estas ações devem ser executadas com eficiência pelo cooperado em parceria com a Coamo e empresas parceiras. Esses conceitos, com certeza, são pilares para o sucesso de uma propriedade agropecuária”, destaca Bonani.

No evento virtual que contou com a participação de milhares de cooperados foram apresentados os temas: Manejo de plantas daninhas no sistema de produção; Manejo eficiente na cultura do milho primeira e segunda safra; Planejamento estratégico na produção de bovinos; e Tecnologia de aplicação de defensivos. Os temas foram apresentados por três engenheiros agrônomos e um médico veterinário da Coamo.

O engenheiro agrônomo Roberto Bueno da Silva falou sobre “Manejo de plantas daninhas no sistema de produção.” O tema foi desenvolvido em parceria com a Embrapa/Soja e teve como objetivo reforçar o monitoramento das áreas com a identificação correta das plantas daninhas, avaliando o tamanho das plantas com a escolha adequada dos herbicidas e observando as condições climáticas para que haja um trabalho eficiente de manejo para o plantio da soja.

O engenheiro agrônomo José Petruise Ferreira Júnior tratou sobre “Manejo eficiente na cultura do milho primeira e segunda safra”. O objetivo foi destacar a importância de um bom manejo de solo, plantas daninhas, insetos e doenças. Utilizando as práticas todo conhecimento na lavoura de milho, com certeza, o resultado será positivo desde a implantação, desenvolvimento e colheita da cultura.

O médico veterinário Hérico Alexandre Rossetto fez uma apresentação sobre “planejamento estratégico na produção de bovinos”. O destaque foi o tripé: nutrição, sanidade e genética. Estes três pontos, bem estruturados e manejados dentro da propriedade, independente que seja gado de leite ou gado de corte, fazem com que o cooperado retire o máximo de ganho possível de seu rebanho.

O engenheiro agrônomo Marcus Vinícius Goda Gimenes, falou sobre “tecnologia de aplicação de defensivos”. Quando se fala em tecnologia de aplicação, é preciso entender que o tema nunca fica desatualizado, principalmente, por sua complexidade. São inúmeras as variáveis que podem comprometer uma correta aplicação de defensivos. Para isso, é preciso dividir o ciclo produtivo em fases, identificar o foco da aplicação em questão e escolher a ponta adequada para que haja mais chance de sucesso nas pulverizações.

CONHECIMENTO E TECNOLOGIA

A 14ª edição do Encontro de Inverno da Fazenda Experimental foi transmitida ao vivo da sede da Coamo, em Campo Mourão, pelo Youtube. O presidente do Conselho de Administração da Coamo, José Aroldo Gallassini, destaca a importância do evento para gerar mais conhecimento e difundir novas tecnologias aos cooperados. A Fazenda Experimental foi criada para ser uma estação de experimento de novos produtos que chegam no mercado. É um trabalho que tem uma grande importância para que possamos recomendar e orientar os cooperados sobre o uso de novos produtos e a implementação de novas tecnologias”, diz.

Gallassini ressalta a importância de os cooperados terem uma opção de segunda safra para que possam agregar mais renda à propriedade. “Além de renda, a segunda safra ajudar a melhorar o sistema de produção. Precisamos continuar produzindo bem, e com sustentabilidade”, ressalta.

O diretor de Suprimentos e Assistência Técnica, Aquiles Dias, recorda que a Coamo comemora 50 anos em novembro, e que a Fazenda Experimental está comemorando 45 anos de existência. “Falo isso para correlacionar o quanto foi importante o uso das tecnologias para que pudéssemos ter o lema na Coamo, ‘A vida é a gente que transforma.’ A tecnologia e os encontros, com certeza, contribuíram para essa evolução.”

De acordo com ele, mesmo diante de toda a situação sanitária devido a pandemia ocasionada pelo Coronavírus, a Coamo não poderia deixar de realizar o encontro. “O formato virtual foi a maneira encontrada para que pudéssemos compartilhar com nossos cooperados e equipe técnica, importantes assuntos”, frisa.

O presidente Executivo da Coamo, Airton Galinari, faze questão de parabenizar toda a equipe técnica da cooperativa e os responsáveis pelas apresentações. Ele reforça que a missão da Coamo é agregar e gerar renda de forma sustentável aos cooperados. “Os associados da Coamo são privilegiados por terem próximos deles um grupo técnico que passa as melhores recomendações e orientações. A Coamo oferece tudo o que o cooperado precisa para produzir e tem uma estrutura completa para dar sustentabilidade às atividades desenvolvidas no campo. Isso fortalece a cooperativa e insere cooperado em mercado que, individualmente, não teria condição de participar. A união dos cooperados faz com que todos saiam ganhando.”

SERVIÇO

O vídeo pode ser acessado no endereço: https://www.youtube.com/watch?v=_kH4ZNRjank