C. Mourão implanta ainda este ano o estacionamento rotativo

As informações foram prestadas pela prefeitura na reunião promovida no final da tarde desta sexta-feira (31) pela(Acicam – Foto: Divulgação

 A expectativa é de que a concorrência pública aberta pela prefeitura para a concessão da exploração do serviço de estacionamento rotativo na área central de Campo Mourão seja concluída em cerca de 30 dias, caso não ocorram medidas judiciais. Declarado o resultado e assinado o contrato, a empresa vencedora terá prazo de até 60 dias para implantar o serviço.

As informações foram prestadas pela prefeitura na reunião promovida no final da tarde desta sexta-feira (31/5) pela Associação Comercial e Industrial (Acicam) para manter os empresários locais informados sobre o andamento dos procedimentos para a implantação do sistema. Um bom número de comerciantes, além de lideranças locais, participou do encontro.

O prefeito Tauillo Tezelli participou da reunião acompanhado o chefe do Departamento de Suprimentos do Município (Desup), Sérgio de Souza Portela, além do chefe do Departamento de Trânsito (Diretran), Renato Ikeda. Também estiveram presentes o vice-prefeito Beto Voidello e os vereadores Edson Battilani e Sidnei Jardim. A mesa principal teve ainda a participação do presidente do Conselho de Desenvolvimento Econômico (Codecam), Newton Leal.

Na abertura da reunião, o presidente da Acicam, Alcir Rodrigues da Silva, acentuou que o encontro tinha a finalidade de levar aos empresários informações sobre o atual estágio do processo para a implantação da Zona Azul, além de destacar a necessidade e importância do sistema para a cidade. Já o chefe do executivo municipal explicou que a burocracia legal torna extremamente lenta muitas das ações do poder público, a exemplo da implantação do estacionamento rotativo.

O chefe do Desup, que é o órgão responsável pela concorrência pública em andamento, informou que um consórcio e três empresas participam da licitação. Também comunicou que na próxima semana será publicado no Órgão Oficial Eletrônico do Município as concorrentes que passam para a próxima etapa da concorrência, iniciada no começo de 2018. A lei que aprovou a implantação do sistema na cidade tem cerca de 15 anos.

A princípio, o estacionamento rotativo deverá ser implantado apenas na região mais comercial, disponibilizando cerca de 1.600 vagas. O contrato com a empresa vencedora será pelo prazo de 10 anos, com possibilidade de renovação.