Farmácia Universitária doou R$ 270 mil em medicamentos em 2019

Kelly Carvalho Mesquita Ramos conta que mensalmente são atendidas cerca de 3 mil pessoas – Foto: Clodoaldo Bonete/Tasabendo.com

A Farmácia Universitária de Campo Mourão, mantida pelo Centro Universitário Integrado e pela Fundação São José de Ciências Humanas e Religiosas, distribuiu no ano passado um grande volume em medicamentos a pacientes com doenças crônicas. Somadas as doações em valores, são cerca R$ 270 mil em medicamentos.

A farmacêutica responsável pela Farmácia Universitária, Kelly Carvalho Mesquita Ramos conta que mensalmente são atendidas cerca de 3 mil pessoas. “Apenas em comprimidos, são distribuídos mensalmente cerca de 16 a 18 mil unidades”, conta ela.

A unidade retomou o atendimento no dia 20 de janeiro de 2020, após período de férias. Apesar de manter um bom estoque, Kelly pede que as pessoas doem medicamentos que não estejam mais usando em casa. “Todo medicamento dentro do prazo de validade é sempre bem-vindo, especialmente os de uso contínuo”, afirma.

Além de fazer a entrega na própria farmácia, quem deseja doar medicamentos pode procurar a Faculdade Integrado, o Santuário da Vila Urupês, ou mesmo outras igrejas da cidade.  Os medicamentos mais procurados são para pressão alta e diabetes.

Quem mais se beneficia da farmácia Universitária são pessoas idosas, geralmente aposentados. “Tem pessoa que chega a procurar até três vezes ao mês a farmácia, pois a economia é grande, tendo em vista que são medicamentos caros. Além disso, tem paciente que toma até três ou mais tipos de medicamentos e como são pessoas carentes, a doação ajuda muito”, diz a farmacêutica.

CADASTRO

Para ter acesso aos medicamentos gratuitos é necessário que os interessados se cadastrem na unidade, apresentando RG, CPF, comprovante de renda e residência, além do receituário médico. Os acadêmicos do curso de Farmácia e professores fazem o acompanhamento do tratamento farmacológico prescrito pelo médico.

SERVIÇO

A Farmácia Universitária funciona na Avenida José Custódio de Oliveira, 685, das 13h30 às 17h30, de segunda a sexta-feira.