“Como vai sua família?”, por Felipe Oliveira Souza, na coluna “Por escrito”

“Rogo-vos, porém, irmãos, pelo nome de nosso Senhor Jesus Cristo, que digais todos uma mesma coisa, e que não haja entre vós divergências; antes sejais unidos em um mesmo pensamento e em um mesmo parecer.
(1 Coríntios 1:10)”

Fim de ano, Natal, época em que evidenciamos nosso salvador e reunimos nossas famílias para nos confraternizar. Podemos conceituar família como um grupo de pessoas que se amam e buscam os mesmos objetivos. Família de sangue, família da igreja, família do trabalho, são pessoas que fazem parte de sua vida em distintos momentos, estão perto de você em tudo, prontas ou não para ajudar. Mas o egoísmo, as brigas, desunião, falsos testemunhos e falta de amor fez perder a importância e destruir essas famílias.

Deus ensina que devemos amar nossas famílias, sempre buscar a união e bem-estar com todas as pessoas, pois a UNIÃO FAZ A FORÇA. O homem não foi criado para estar sozinho. Precisamos buscar ter pessoas boas a nossa volta que possam nos ajudar e agregar valores ou devemos ser essas pessoas que ajudam e agregam valores ao nosso próximo.

Os momentos mais felizes da vida são quando estamos com quem amamos, com nossa família e amigos. Não é possível encontrar a felicidade na solidão. A Bíblia diz “Oh! quão bom e quão suave é que os irmãos vivam em união” (Salmos 133:1).

Que a cada dia possamos melhorar nosso comportamento, fortalecer nossas famílias aonde quer que estejam. Que possamos levar união, amor, felicidade, paz, harmonia, bem-estar para todos. Talvez não seja fácil, mas temos um Deus poderoso que ajuda e proporciona mudança em qualquer situação. Ele é a razão da nossa existência e felicidade.

Sou Felipe Oliveira Souza, tenho 21 anos, curso Teologia e sou apaixonado pela Bíblia, que Deus abençoe a todos concedendo um Ótimo Ano Novo

Participe da coluna “Por escrito”! Mande seu texto (artigo, poesia, prosa, crônica, etc), com foto e breve biografia para contadokadu@gmail.com