Leis Municipais sancionadas em Campo Mourão

Foram sancionadas na manhã da terça-feira, na Prefeitura de Campo Mourão, leis propostas pelos vereadores Nelita Piacentini, Olivino Custódio, Cabo Cruz, Sidnei Jardim, Sidney Ronaldo Ribeiro (Tucano) e proposta pelo próprio Poder Executivo, com aprovação de vereadores (Professor Cícero, Edilson Martins, Edoel Rocha, Edson Battilani, Elvira Schen, Jadir Soares, Dr. Miguel, Cabo Cruz, Sidnei Jardim, Tucano e Olivino Custódio). As leis foram sancionadas pelo prefeito em exercício Beto Voidelo.

As leis são as seguintes: que denominam ruas do Residencial Fortunato Perdoncini II (vereadores Nelita Piacentini – 80/2019 de 11 de setembro de 2019; e Olivino Custódio – 88/2019 de 11 de setembro de 2019), que dispõe sobre o funcionamento de feiras itinerantes eventuais de vestuário, calçados bolsas e acessórios no município (esta proposta pelo poder executivo) – 102/2018 – de 10 de julho de 2019, que altera a ementa e dispositivos da Lei 9398 de 06 de novembro de 1995, que torna obrigatória a existência de bebedouros e instalações sanitárias nas agências e postos de serviços das instituições financeiras do município (75/2019, de 11 de setembro de 2019) – vereadores Professor Cícero, Edilson Martins, Edoel Rocha, Edson Battilani, Elvira Schen, Jadir Soares, Dr. Miguel, Cabo Cruz, Sidnei Jardim, Tucano e Olivino Custódio; e a que garante a fé pública ao profissional da advocacia em processo no âmbito do Município de Campo Mourão (Cabo Cruz).

NOVOS NOMES DE RUAS

No Residencial Fortunato Perdoncini II, os novos nomes de ruas são os seguintes: Celso Staniszewski, João Sérgio Kffuri, Beatriz Terezinha Kloster, Terezeinha Davidoff, Luiza Catharina Ferri Alessi, Lucília Pereira Lima, Aparecida Maura dos Santos, Pompilio Gonçalves e Silvana Damasceno Benassi (proposições da vereadora Nelita Piacentini) e Nilson André Piacentini (proposição do vereador Olivino Custódio). “São pessoas que participaram ativamente de ações do município e também que contribuíram, da sua forma, para o progresso da nossa cidade”, explicou a vereadora Nelita.

Voidelo falou da importância de todas as leis sancionadas, e destacou também o nome das pessoas que se tornaram nomes de ruas no Fortunato Perdoncini. “As pessoas que recebem o nome de uma rua numa cidade são pessoas que foram relevantes, que fizeram parte da história do município, e merecem este reconhecimento”, afirma. Maria Laura Damasceno, filha de Silvana Benassi, que foi funcionária por muitos anos da Sanepar, tinha participação ativa no Lions Club e chegou a ser suplente de vereadora, também atuando como coordenadora de catequese na Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro (Jardim Copacabana/ Vila Rio Grande), ressaltou sobre a homenagem a sua mãe. “Foi uma pessoa muito importante não só para a nossa família, mas também para a comunidade onde vivemos (Jardim Copacabana), sempre buscando o bem para as pessoas em seu redor”, concluiu.