Polícia procura homem que já teria estuprado três mulheres em CM

Polícia Civil recebeu as denúncias e está investigando o caso

Pelo menos três mulheres já teriam sido violentadas sexualmente por um homem, em Campo Mourão. Pelas informações apuradas até o momento, o estuprador se aproxima com um carro escuro, possivelmente um VW/Gol, aborda a vítima e, usando uma arma de fogo, a obriga a entrar no veículo.

Em seguida leva a vítima a um lugar afastado, onde ocorre o estupro. Ontem uma mulher teria sido vítima, próximo ao Parque do Lago, no entanto, o agressor estava a pé. Na semana passada, outra mulher escapou por pouco do criminoso.

Ao ser abordada na região do Lar Paraná, ela disse que correu do lado contrário do carro e conseguiu escapar do homem, que estava armado e usando um carro escuro.

NOTA DA PM

Na tarde desta quarta-feira, devido a repercussão dos casos, o comando do 11º Batalhão da Polícia Militar emitiu uma nota à imprensa, esclarecendo que as investigações destes casos estão sob a responsabilidade da Polícia Civil. Segundo o comando, para não atrapalhar o trabalho investigativo, a Polícia Militar não irá se pronunciar sobre os fatos.

“Temos a plena confiança no trabalho da Polícia Civil e a absoluta certeza de que muito em breve, esse ou esses criminosos serão identificados e presos pelo cometimento destes crimes hediondos. Contudo, o 11º BPM reitera que tem intensificado o patrulhamento preventivo e ostensivo nos locais considerados de maior risco às pessoas, principalmente visando combater os crimes que atentem contra a dignidade sexual”, diz um trecho da nota.

A Polícia Militar reforça ainda o seu compromisso com a segurança de todos, declarando que atua sempre com o objetivo de reduzir ainda mais os índices de ocorrências. “Além disso, buscamos constantemente o envolvimento de nossos policiais militares no sentido de realizarem abordagens objetivando a retirada de circulação de pessoas que estejam praticando algum ilícito penal ou que são procuradas pela Justiça pelos mais diversos crimes.”