Passageira de ônibus é abordada pela PM por ofensas raciais

O homem, morador em Campo Mourão, não quis representar contra a mulher – Foto: Rafael Silvestrin/Tasabendo.com

A passageira de um ônibus que fazia a linha Guarapuava a Campo Mourão, de 52 anos, foi abordada pela Policia Militar ao desembarcar na estação rodoviária, acusada de ofensas raciais contra um homem negro.

O fato ocorreu no início da noite desta quinta-feira, na rodoviária de Campo Mourão. Os dois teriam embarcado na rodoviária de Iretama, quando a mulher passou a proferir palavras ofensivas, relacionadas a cor do homem.

Uma outra passageira, incomodada com a situação ligou para a PM e uma equipe foi à rodoviária, onde abordou a mulher, assim que ela desembarcou.

No entanto, o homem que teria sido vítima de racismo não quis representar contra ela, que exalava forte odor etílico. Os policiais orientaram as partes e a suspeita foi liberada. A mulher informou que e moradora de rua e viaja de uma cidade a outra com passagens pagas pela Ação Social dos municípios.