Acusado de tentativa de feminicídio é preso em Corumbataí do Sul

A Polícia Civil prendeu nesta segunda-feira (4), um homem de 45 anos, acusado de feminicídio em Corumbataí do Sul. A vítima é sua ex-convivente. Ela foi cruelmente espancada com tijoladas, a ponto de perder os sentidos, no dia 16 de setembro.

Ele só teria parado com as agressões por acreditar que a mulher já estava morta. O delegado de Polícia Civil de Barbosa Ferraz, Carlos Gabriel Stecca, após apurar o caso, pediu a prisão preventiva do suspeito e a justiça autorizou.

Os policiais cumpriram  mandado de prisão e o agressor deverá permanecer recolhido em um presídio da região. Conforme as informações do delegado, ao blog de notícias Coluna do Rato, ele já estava separado da vítima, quando a atacou com tijoladas.

A mulher foi atingida na cabeça e ficou desacordada no local. O agressor só teria parado com as agressões porque pensou que ela já estivesse morta, mas a mulher sobreviveu e foi atendida por uma equipe da Unidade Básica de Saúde (UBS), de Corumbataí do Sul.

Ela foi ouvida depois pelos policiais e contou que o seu ex-companheiro teria tentado contra sua vida. No local do crime foram apreendidos tijolos usados na agressão, alguns com marcas de sangue e até com resquícios de couro cabeludo, evidenciando a crueldade das agressões.

Fonte: Coluna do Rato