Secretária contesta jornal e garante que nenhum professor municipal ganha abaixo do piso nacional

A secretária municipal de Educação de Campo Mourão, Tânia Caetano, rebateu informação divulgada em reportagem publicada pelo jornal Gazeta do Povo de que o município está entre os que pagam salário abaixo do piso nacional para professores (R$ 1.149,40). “Nenhum dos nossos professores recebe menos que o piso nacional estipulado pelo MEC”, disse a secretária.

Segundo ela, dos cerca de 900 professores do município, apenas três com formação de Magistério de três anos ainda recebem o piso nacional. Outros 50 educadores com formação de Magistério de quatro anos recebem um pouco a mais que o piso: R$ 1.227,68 para 20 horas e R$ 2.455,35 para 40 horas.

A maioria dos professores tem formação acadêmica e pós-graduação, com salários de R$ 1.648,56 para 20 horas e 3.297,10 para 40 horas. A secretária reforça que com a regulamentação da Lei Municipal 3856/17, nenhum professor do município recebe menos que o piso nacional.