Duas startups mourãoenses selecionadas no Inovativa Brasil

O maior programa de aceleração de negócios do país, Inovativa Brasil, aprovou 388 projetos em todo o Brasil na edição de 2021 divulgada nesta semana. O programa, que é coordenado pelo Ministério da Economia e Sebrae Nacional, teve dois projetos de startups mourãoenses selecionados, colocando a cidade entre as 3 do Paraná, atrás apenas de Curitiba e Maringá.

A Startup Delivery To, que também já tinha sido selecionada em banca pelo edital Campo Mourão Inova no ano passado, foi uma das selecionadas agora. Trata-se de uma solução para que o comércio local possa fazer suas vendas on-line e o delivery, com o diferencial da entrega ser no mesmo dia, em horas, e para qualquer comerciante. O fundador, Nichollas Marshell, disse irá aproveitar o programa para buscar parceiros, estruturar os modelos de microfranquia e jurídico para o negócio, criado em Campo Mourão.

A outra startup, batizada de Treinow, foi criada pelos sócios Danton Matheus e Anderson Vrzecionek. É uma plataforma IoT (Internet das Coisas) para acompanhamento e resultados nos aparelhos de academia, podendo ser feito o acompanhamento e compartilhamento nas redes sociais.

INOVATIVA BRASIL

Campo Mourão tem um histórico de ao menos sete projetos e startups que já passaram pelo programa. Em 2018 por exemplo, foram quatro projetos da cidade aprovados no programa. Algumas dessas empresas são fundadas por jovens, e hoje decolaram. A Ponce Equipamentos, nascida na Fundação Educere, atualmente já passa dos R$ 4 milhões de faturamento ao ano.

Outra que passou pelo programa e vem se destacando no mercado é a Early Sec, fundada startup fundada pelo então professor da UTFPR Campo Mourão, Wagner Monteverde. Surgiu a partir de um projeto de pesquisa na área de segurança da informação e oferece desde tecnologia baseada em inteligência artificial a consultorias, apostando atualmente no crescimento baseado na nova Lei Geral de Proteção de Dados,

“Aqui em Campo Mourão nós fomentamos o setor desde 2017, principalmente realizando encontros e eventos como esse do Inovativa Brasil. Do ponto de vista de custo benefício são eventos com custo zero para o município, mas que conseguem alavancar jovens empreendedores por meio de atração de investimentos, conexões e mentorias, tudo graças aos esforços de todo um ecossistema que envolve Universidades, Empresas, Sociedade Civil e Poder Público”, destaca o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Eduardo Akira Azuma.