Associação de Moradores instala “lavatório comunitário” no Cidade Nova

Quem usa o transporte público lava as mãos antes do embarque – Foto: Divulgação

Em tempos de pandemia de coronavírus, manter a higienização das mãos é fundamental para a prevenção à doença. Pensando nisso, o presidente da Associação de Moradores do jardim Cidade Nova, Miltinho Gomes de Souza, criou o “lavatório comunitário”, por meio de galões de água e sabão (liquido) nos pontos de ônibus.

O objetivo é facilitar para que as pessoas lavem as mãos antes de embarcar na circular e na hora do desembarque. Souza conta que se inspirou em um vídeo no Google.

“Enquanto pensava no que fazer para ajudar a comunidade no combate ao coronavírus, fiz uma busca no Google e vi um homem que instalou um tipo de bebedouro no jardim. Aí pensei no lavatório comunitário, nos pontos de ônibus para que as pessoas lavem as mãos antes e depois da viagem”, disse ele.

Os galões de plástico, desses que são vendidos com água mineral, foram adaptados com torneiras e fixados em sete pontos de ônibus do bairro. Ao lado, o sabão para a lavagem das mãos.

“Eu mesmo fiz a adaptação da torneira. Compramos o material com um grupo de amigos da comunidade, Sergioe, John, Zé Duarte, Reginaldo, Luiz e também vamos repondo a água. Os moradores próximos também vão ajudar com a água e o sabão”, afirma.

Os lavatórios serão levados também para o conjunto Fortunato Perdoncini e outro para a praça do jardim Cidade Alta 2.