Projeto do BNDES vai contemplar 10 escolas municipais em 2020

O projeto Educação Conectada, do BNDES, vai beneficiar 10 escolas municipais de Campo Mourão no próximo ano. No Paraná, o município foi selecionado junto com Guarapuava no mês de setembro. O programa de inovação é bancado pelo governo federal, por meio do Fundo Social do BNDES e em parceria com o Centro de Inovação para Educação Brasileira (CIEB).

O programa investirá cerca de 3,5 milhões nos dois municípios, no apoio à universalização do acesso à internet em alta velocidade e fomento do uso pedagógico de tecnologias digitais na educação básica. Em Campo Mourão serão contempladas as escolas Bento Mossurunga, Ethanil Bento de Assis, Gurilândia, Parigot de Souza, Paulo VI, Monteiro Lobato, Florestan Fernandes, Nicon Kopko, Urupês e Constantino de Medeiros.

Segundo a secretária municipal de Educação, Tânia Caetano, o projeto está em fase de licitação, que será feita pelo governo do Estado e a expectativa é que os equipamentos cheguem ao município ainda no primeiro semestre de 2020. “Esse projeto se apoia na visão, formação, infraestrutura, conteúdo e recursos digitais no uso de tecnologia para a educação”, explica a secretária.

Um Grupo Especial de Trabalho (GET) composto por técnicos das secretarias municipais de educação de Campo Mourão e Guarapuava, da Secretaria Estadual do Paraná e representantes do CIEB e do BNDES estão trabalhando no aprimoramento do projeto para atender da melhor maneira possível as necessidades das escolas.