Integrado realiza atendimento farmacêutico gratuito

Pressão alta afeta um em cada três brasileiros; Moradores de Campo Mourão e região são atendidos gratuitamente na Farmácia Escola Integrado – Foto: i-Stock

Moradores de Campo Mourão e região, pacientes diabéticos, hipertensos e com transtornos mentais podem realizar consultas farmacêuticas gratuitas. E se trouxerem a prescrição médica, também podem obter os medicamentos disponíveis em estoque, sem custos.

Os atendimentos acontecem às segundas e quartas, das 14h às 18h, na Farmácia Escola Integrado, que fica na Avenida José Custódio de Oliveira, 685, Centro de Campo Mourão. É preciso fazer agendamento pelos telefones 44-3518-2566 e 99156-4362.

Quem deseja apenas medir a pressão arterial, a temperatura corporal, fazer teste de glicemia ou retirar medicamentos pode ir ao mesmo endereço de segunda a sexta, das 8h às 12h e das 14h às 18h. Nestes casos, o atendimento também é gratuito e feito por ordem de chegada.

Em ambas as situações, é necessário preencher um cadastro socioeconômico no local e levar documentos pessoais. Os serviços são realizados pelos acadêmicos do curso de Farmácia do Centro Universitário Integrado, sob supervisão de uma farmacêutica responsável.

“Essa atenção aos mais necessitados faz enorme diferença na vida de quem precisa. Desde que começamos essas ações em 2010, já foram realizados mais de 35 mil atendimentos”, explica a coordenadora da área de Saúde 2 e do curso de Farmácia do Centro Universitário Integrado, Ana Carla Broetto Biazon.

ESTOQUE

O estoque de medicamentos da Farmácia Escola engloba antibióticos, anticoncepcionais, antialérgicos, fitoterápicos, vitaminas, anti-hipertensivos, hipoglicemiantes, dentre outros. Eles são obtidos por meio de doações da classe médica, da comunidade e por campanhas de arrecadação feitas pelos estudantes do curso superior.

Quem deseja contribuir pode doar os medicamentos não utilizados em casa, desde que estejam dentro do prazo de validade. Em casos de xaropes, cremes, pomadas e remédios em gotas, a embalagem também deve estar lacrada.

PRESSÃO ALTA É COISA SÉRIA

As doenças cardiovasculares são a principal causa de morte nas Américas. A hipertensão arterial é responsável por mais de 50% dos problemas no coração e nos vasos sanguíneos, segundo a Organização Pan-Americana de Saúde (Opas). No Brasil, essa doença crônica – mais conhecida como pressão alta – afeta cerca de 30% da população, conforme estimativa da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC).

A enfermidade é caracterizada pelo aumento anormal – e por longo período – da força que o sangue faz ao circular pelas artérias. O estreitamento desses vasos aumenta a necessidade de o coração bombear com mais intensidade para impulsionar o sangue e recebê-lo de volta. Como consequência, a hipertensão dilata o coração e danifica as artérias.

Os principais fatores de risco da pressão alta são a genética, a idade, o sobrepeso, a ingestão excessiva de sal, o sedentarismo, tabagismo, estresse e o consumo de álcool. O diagnóstico é confirmado quando os valores das pressões máxima e mínima são iguais ou superiores a 140/90 mmHg (14 por 9).

SINTOMAS E TRATAMENTO

Os sintomas mais comuns da pressão alta são as dores de cabeça, dores no peito, falta de ar, tontura, visão borrada e zumbido no ouvido. Em qualquer um desses sinais, a recomendação é buscar ajuda médica.

O tratamento exige que o paciente tome os remédios corretamente – sempre com prescrição de especialistas – e mude alguns hábitos de vida.

“Além disso, é fundamental ter uma dieta rica em frutas, cereais integrais e laticínios com baixo teor de gordura. Dessa forma, ingerimos menos sódio e mais potássio, cálcio e magnésio, nutrientes necessários para quem precisa baixar a pressão”, esclarece Ana Carla Biazon, que também é pós-doutora em Ciências Biológicas.

Largar o cigarro é outra mudança necessária, pois ele causa vários danos ao organismo. Controle do estresse, prática de atividade física regular com orientações e técnicas de relaxamento ajudam no controle da pressão alta.

Outra recomendação da coordenadora da área de Saúde 2 e do curso de Farmácia do Centro Universitário Integrado é para não interromper o uso da medicação, nem diminuir a dosagem por conta própria.

SERVIÇO

O quê: Atendimento na Farmácia Escola Integrado

Para quem: Moradores de Campo Mourão e região, pacientes diabéticos, hipertensos e com transtornos mentais

Quanto custa: É gratuito. Deve preencher um cadastro socioeconômico no local e levar documentos pessoais

Quem faz os atendimentos: Acadêmicos do curso de Farmácia do Centro Universitário Integrado, sob coordenação dos professores

Onde fica: Avenida José Custódio de Oliveira, 685, Centro, Campo Mourão (PR)

Quando acontece: Consultas farmacêuticas às segundas e quartas, das 14h às 18h. É preciso agendar pelos tels. 44-3518-2566 e 99156-4362. Aferição da pressão arterial, da temperatura corporal e teste de glicemia são feitos por ordem de chegada – de segunda a sexta, das 8h às 12h e das 14h às 18h – também gratuitamente.