Chilenos visitam e elogiam estrutura do Integrado

Os visitantes foram recepcionados pelo pró-reitor administrativo do Integrado, Pedro Henrique Montans Baer, – Foto: Nilçson Hort

No roteiro de visitas de um grupo de chilenos pelas cidades no interior no Paraná, o Centro Universitário Integrado não poderia ficar de fora. Na manhã desta quinta-feira (4), os intercambistas aproveitaram para conhecer de perto a estrutura da unidade Câmpus da Instituição. O grupo, formado por quatro profissionais de várias áreas, estiveram acompanhados pelos companheiros do Rotary Club de Campo Mourão –
Gralha Azul.

Os visitantes foram recepcionados pelo pró-reitor administrativo do Integrado, Pedro Henrique Montans Baer, que falou sobre a Instituição e a história do grupo. “Para nós, essa visita é muito satisfatória e nos dá a oportunidade de mostrar toda a nossa estrutura, não só para população da região, mas também a pessoas de fora do país e de outras localidades. Agradecemos aos membros do Rotary por terem inserido o Integrado neste roteiro de visitas. Sempre buscamos receber a todos da melhor forma possível e apresentamos tudo que fazemos como forma de compartilhar conhecimento”, detalha Baer.

Após as boas-vindas, os visitantes conheceram os laboratórios de Simulação Realística, utilizado pelo curso de Medicina, além de outros espaços da unidade Câmpus, como o Centro Veterinário e a Casa das Máquinas, do curso de Agronomia. “Não poderíamos de ter deixado de trazê-los para visitar o Integrado, pois é uma Instituição já renomada e muito atual. Essa marca, em nível de Brasil, está sendo muito conhecida. Como os
chilenos estão buscando conhecimento, se sentiram à vontade e muito felizes em conhecer o Integrado. É uma Instituição, sem sombra de dúvida, fantástica; é um privilégio para Campo Mourão e à região contarem com uma Instituição desse porte”, enfatiza o rotariano mourãoense Antônio Pereira Machado.

As intercambistas chilenas Mary Muñoz e Paula Hernández contam que ficaram maravilhadas com toda a estrutura do Integrado. Elas destacaram a tecnologia empregada no curso de Medicina. “Para nós, essa visita foi uma boa experiência. Estamos muito felizes em conhecer o Integrado. Aqui, o espaço conta com muitas ferramentas profissionais. Estamos surpreendidos com a tecnologia e as práticas oferecidas aos estudantes. A estrutura é muito adequada para distintas carreiras e os aboratórios estão bem equipados. Ficamos encantadas”, contam Mary e Paula, que são jornalista e enfermeira, respectivamente.

Além do Integrado, os chilenos visitaram outras empresas de Campo Mourão e seguem para outras cidades do Paraná. O grupo vai ficar 15 dias no Brasil e devem retornar ao Chile em 14 de abril. Ainda neste mês, quatro mourãoenses do Rotary Club Gralha Azul vão retribuir a visita aos chilenos.