Acadêmicos do Integrado entregam quase uma tonelada de alimentos a entidades

Doações foram entregues ao Lar dos Velhinhos, CTR e ao Lar Dona Jacira, em Campo Mourão – Foto: Jonathan Santos

Representantes das atléticas do Centro Universitário Integrado participaram, nesta sexta-feira (15), da entrega de alimentos que foram doados pelos acadêmicos na ´Calourada Integrado´. O evento, realizado na última segunda-feira (11), reuniu mais de duas mil pessoas na unidade Câmpus da Instituição.

A 1ª edição da ´Calourada´ teve como objetivo principal recepcionar os
acadêmicos e fazer a interação entre calouros e veteranos da Instituição. Uma das ações propostas pela Calourada foi a doação de alimentos em troca de 2 horas de atividades complementares. A campanha social teve uma grande participação dos acadêmicos, que garantiram as horas e também ajudaram ao Lar dos Velhinhos Frederico Ozanan, Comunidade Terapêutica Redenção (CTR) e Lar Dona Jacira, de Campo Mourão.

A entrega foi feita na manhã de sexta-feira, por representantes das atléticas e reitoria do Integrado. Na ocasião, a reitora do Centro Universitário Integrado, Maria da Conceição Montans Baer, aproveitou para agradecer ao empenho dos acadêmicos. “Nós ficamos muito orgulhosos pelo trabalho de vocês. Eu queria pedir para que sempre tenham esse espírito de ajudar quem mais precisa, não só nessa ação, mas em tudo o que forem fazer. Ajudar o próximo é sempre bom”, declara Maria da Conceição.

Uma das entidades beneficiadas foi o Lar dos Velhinhos Frederico Ozanan, de Campo Mourão. O local atende 65 idosos e oferece sete refeições por dia. De acordo com a coordenadora do Lar, Renata Aparecida Calsavara, a ajuda veio em uma boa hora.

“Nós ficamos muito felizes quando recebemos a ligação do pessoal do Integrado, avisando da doação, principalmente porque nosso estoque de arroz já estava quase acabando. Quando recebemos doações, o dinheiro que usaríamos para os alimentos pode ser investido no pagamento de contas ou em outras áreas que são necessárias. Por isso, esse tipo de ação é tão importante para nós”, garante Renata.

Foto: Jonathan Santos