Dia do Orientador Educacional comemorado em evento no IMAPE

Foi comemorado na manhã desta quarta-feira, com evento no IMAPE, em Campo Mourão, o Dia do Orientador Educacional, profissional que presta assistência ao aluno durante seu processo de aprendizagem na escola, auxiliando o aluno na superação das dificuldades de aprendizagem, ou no próprio encaminhamento vocacional, buscando o maior aproveitamento das suas potencialidades.

O evento contou com a presença do prefeito Tauillo Tezelli, da Secretária da Educação Tania Caetano, empresário Áter Cristófoli e o palestrante Frank Duarte, que atua como psicólogo e pedagogo, que proferiu a palestra “Transformando Conhecimento em Criatividade: Potencializando a Mente Criativa”.

No início, Maria Alves (Coordenadora do IMAPE), fez uma leitura falando sobre a importância do trabalho do orientador educacional. A secretária da Educação destacou que este profissional deve estar sempre fortalecido, pois exerce várias funções.

“Hoje em dia a educação mudou muito, e o professor, pra trabalhar, conta com a regência do orientador, que está sempre em contato com os pais, com a comunidade escolar, enfim, os envolvidos no processo educacional. Por isto, é importante que os orientadores sejam sempre cada vez mais valorizados, pois a educação desafia todos os dias seus profissionais, por isso, na nossa visão, também dos orientadores, evidentemente, ela é grandiosa”, destacou.

O empresário Áter Cristófoli, que também investe na formação educacional, também deixou clara a importância do orientador educacional, mencionando que o trabalho deve ser voltado ao aluno, colocando o papel deste profissional como de grande valia na busca por resultados positivos no sistema educacional. O prefeito falou também sobre a necessidade da contribuição cada vez maior no desenvolvimento da educação, uma das atribuições dos orientadores educacionais. “São importantes na vida dos alunos, das suas famílias; e estão de parabéns por todo o trabalho que é realizado em nossa cidade, o que nos ajuda muito no desenvolvimento da educação”, conclui.