Codecam realiza estudo socioeconômico

O Conselho de Desenvolvimento Econômico de Campo Mourão – CODECAM –  está prestes a receber a primeira entrega parcial do Mapeamento de Setores Econômicos Estratégicos para Campo Mourão, em formato Dashboard.

O estudo, que está em desenvolvimento, é uma conquista do Conselho e acontece por meio de parceiras do Estado no Programa Paraná Inovador. A parceria é estabelecida entre a SETI – Superintendência de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Paraná, Universidade Estadual do Paraná (UNESPAR) e a Universidade Estadual de Maringá (UEM).

O mapeamento, considerado como um estudo socioeconômico, possui duas perspectivas: verticalização sobre as cadeias econômicas e, horizontalização em áreas. A proposta é diagnosticar as cadeias econômicas propulsivas e reflexas de Campo Mourão, bem como contextualizá-los no cenário social por meio de ferramentas econométricas para simulações, por exemplo, Quociente Locacional (QL), atividades com maior quantidade de estabelecimentos, atividades com maiores salários, atividades com mais empregos formais e atividades com maior volume anual de exportação (US$).

A entrega, prevista para a próxima semana, servirá de insumo para discussões e ações das Câmaras Temáticas. Entre elas, destacamos a formulação de políticas públicas nos níveis municipal e regional.

O Dashboard permitirá também informações para subsídio a ações institucionais, ou seja, as entidades de classe, de apoio e de fomento (tais como Associações Empresariais, o Sistema S, Federações, dentre outras), poderão utilizar os dados para orientar suas ações em Campo Mourão e região.

É possível ainda, a utilização de dados para apoio a negócios já existentes. Logo, empreendimentos já instalados podem usar as informações como balizadores de estratégias de expansão setorial (na captação de novos clientes ou na identificação de novos nichos, por exemplo).

Além disso, há possibilidades de os dados servirem como insumo para planejamento de novos negócios. Nessa perspectiva, os dados podem ser utilizados para identificar encadeamentos ou lacunas setoriais e, dessa maneira, visualizar oportunidades para novos empreendimentos.

Para o Presidente do CODECAM, o empresário Newton Leal, o documento será um norte, além de estratégias para que os atores locais compreendam onde e quando devem ser desenvolvidas táticas de desenvolvimentos organizacionais e institucionais, além da atração ou expansão no ramo corporativo.

Logo, com este estudo, há possibilidades de elaborar ações contributivas para tornar nossa cidade um lugar melhor para se viver, com melhor qualidade de vida e melhores oportunidades, seguindo o lema do CODECAM: “Campo Mourão com o olhar no futuro”.