Confirmado 1º caso de dengue importado em Araruna

Agentes de endemias inciiaram cedo ação de bloqueio – Foto: Rivaldo Saruê

Uma moradora de Londrina foi internada com dengue na cidade de Araruna neste fim de semana. Ela já morou em Araruna e veio visitar parentes no sábado, No domingo passou mal e precisou ser internada.

De acordo com ao chefe da Divisão de Vigilância do município, Tatiane Ferreti da Silva, a paciente já havia sido diagnosticada com dengue em Londrina, onde esteve internada na semana passada. “Ela assinou um termo no hospital para receber alta e veio para Araruna, onde acabou passando mal e precisou ser internada”, disse Tatiane.

Ela permanece no hospital e nesta manhã os agentes de endemias do município iniciam o bloqueio na área onde ela permaneceu no fim de semana. No período da tarde será aplicado também o fumacê nos locais considerados de risco.

O último levantamento de índice realizado em Araruna, em janeiro, apontou infestação de 6.1% do mosquito Aedes aegypti, o que já é considerado alto risco para a dengue. “A orientação é para que os moradores não deixem recipientes com água parada e que as mulheres grávidas, crianças ou pessoas com baixa imunidade usem o repelente.  Um único mosquito pode transmitir dengue até para 300 pessoas, por isso todo cuidado é pouco.  Nesse caso mesmo, se um mosquito picar a paciente que chegou com dengue em Araruna, ele se contamina e pode transmitir a doença para muito mais gente”, alerta ela.